Sobre dizer não

Vários são os eventos na vida, seja começo de amizade, de namoro, entrevista de emprego, em que acabamos tendo que nos apresentar rapidamente, fazer uma breve introdução de quem somos. E por mais que muitas pessoas se definam como difíceis ou mesmo como intransigentes, ninguém nunca fala: oi, eu sou uma pessoa que diz não sem problemas. Afinal, porque essa palavrinha sempre nos faz tremer, seja para falar ou seja ao ouvir de alguém.

O não é uma palavra rejeitada, evitada. Parece feio você dizer não a algo ou alguém. É indelicado, dizem as pessoas. Afinal, elas parecem acreditar que são sempre tão incríveis que alguém lhe negar alguma coisa é tido como ofensa pessoal. Você pode ser o maior profissional do mundo, a melhor dona de casa, falar 7 idiomas diferentes, mas se você negar de primeira um convite para ir em qualquer barzinho com a turma, pode apostar que você será o assunto da noite.

Afinal, parece que as pessoas precisam ouvir que você não pode sair porque aquela tua avó que morreu a uns 7 anos tá doente, que você brigou com o namorado e está com a cara inchada de chorar, ou qualquer outra mentira deste nível. Sair porque você simplesmente não está a fim é absurdo, pelo menos em uns 95% dos casos.

tumblr_m57t1xMTJn1rnvlqy

E isso se estende a todos os aspectos da vida.

Quando temos uma casa nova, todos querem ir na sua casa. E sim, você até quer que as pessoas vão lá, quando você as convidar, obviamente. Casa nova é uma bagunça, são caixas empilhadas, deveres acumulados ou mesmo a simples vontade de ficar sozinha. E as pessoas ligam, mandam mensagens querendo ir lá. E o não novamente aparece como uma ofensa pessoal caso você diga a palavra banida.

Quando engravidar e tiver filhos, prevejo o problema potencializado.

Falar não é 10 vezes pior do que falar Voldemort nos livros do Harry Potter. Pessoas fazem caretas. Outras esbravejam, mas ninguém defende o direito de você poder falar uma palavra da qual você não tem medo.

yJEXJeD

Por muito tempo tive muita dificuldade em dizer não, por motivos diversos. Aos pouquinhos fui me liberando e hoje em dia tenho muito mais facilidade em dizer não. Mas mesmo assim algumas situações são bem difíceis. Até porque muitas pessoas têm dificuldades em perceber que você cresceu. Que estudou, que trabalha e que tem uma renda. A liberdade e a independência dos outros dói para algumas pessoas.

tumblr_m8x0j540LT1r53qxoo1_500

E aí aparece o dilema: tacar um não e manter sua opinião ou por várias vezes fingir concordância somente para escapar da enfadonha fuga do não pelos outros. A segunda opção é tentadora, é mais fácil. A primeira, pela dificuldade da negativa, soa como pirraça, como falta de maturidade.

tumblr_mkoors3wtZ1racrzqo1_500_large

E eu tenho me mantido forte na primeira. Já ouvi de tudo, desde elogios até gente dizendo que estou mostrando minhas garras. Concordo, afinal, estou mostrando sim minha personalidade, minha opinião. E me afasto de quem não consegue admitir que as pessoas têm direito ao livre arbítrio.

Quebrar a cara faz parte do processo, fazer cara de paisagem, não.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Sobre dizer não

  1. eu acho que as pessoas têm uma necessidade muito grande (e quase doentia, às vezes) de sentir que estão no controle de tudo – inclusive dos outros. quando você diz não, você estraga uma expectativa que a pessoa tinha de poder fazer o que ELA quer, e não o que você quer. e como quase tudo nessa vida, o problema é do outro, não seu 🙂

    continua dizendo não quando bem entender, bonita!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s